Sem título

Toda vez que eu fico sozinho, toda vez que minha mente vaga sem destino, a única coisa que se passa nela, é você. Sentir a brisa, é como sentir você me assoprando leve e carinhosamente, sentir o calor, é como sentir teus braços fortes e quentes a me envolver, sentir firo, é como se eu não tivesse você em meu lado para me aquecer, sentir a chuva, é como ver você derramando lágrimas de alegria sobre mim, sentir o sol raiando, eu costumo comparar com o tamanho de seu brilho para mim.
Quando eu não freqüento os mesmo lugares que você é para evitar que eu me sinta mal. Tantas vezes que já fugi, porque ao mesmo tempo que te vejo, sei que não posso te ter, isso transforma qualquer amor em desilusão. Dizem que amar é bom, é bom sim, mas quando você tem condições de sustentar esse amor não só em sua imaginação, mas também fora dela, sentindo todos os toques e o afeto daquela pessoa.
Sempre tento te esquecer, mas meu cérebro já está acondicionado a reparar em sua beleza, já esta acostumado a pensar em você. Alguns dias você simplesmente sai da minha cabeça e com a mesma facilidade retorna pra ela, com sonhos (inúmeras vezes) pessoas, palavras, lembranças, lugares, sons, aromas, e principalmente, quando leio as coisas lindas que escrevi e não tenho a menor coragem de entregar ou dedicar pra pessoa que deveria ler isso como se fosse dela. É como publicar uma carta com destinatário anônimo, vai para qualquer lugar. Olha, eu queria muito, mas muito mesmo ter a maior coragem do mundo em chegar para a pessoa, dizer o que eu sinto, e simplesmente deixá-la sozinha, digerindo aquilo, pra depois saber o que ela realmente quer.
Já tenho inúmeras faltas no colégio, eu nunca vou poder admitir porque falto, mas eu vou contar, é só pra eu não ver essa pessoa, que ao mesmo tempo que me faz bem, me faz muito mal. Eu realmente não preciso de ajuda, eu nem sei bem ao certo se existe alguém que possa me ajudar, além da pessoa que eu amo. Não existe mãe, nem psicólogo, terapeuta, amigo, que possa me fazer mudar, nem de idéia em nem do meu jeito de ser. Nasci assim, vou morrer assim.

Com todo o meu amor, para você! ♥

Anúncios
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: